top of page

O Verdadeiro Poder do Employer Branding

A busca pelo melhor lugar para trabalhar ou o melhor produto para comprar está tão intensa que hoje todos recorremos às redes sociais para pesquisar informações reais sobre as empresas.


Já não há como ocultar a verdade. O que se passa dentro de portas, quer queiramos quer não, pode ser revelado ao mundo no instante em que acontece, por isso mais vale as empresas usarem isso a seu favor. É aqui que um investimento e foco interno na marca é fundamental.


O employer branding é a identidade da sua empresa, o que a torna única. É tudo o que vos faz ser diferentes, tudo que vos faz destacarem-se da empresa do lado. Assim, estamos a falar da reputação de uma empresa no seu mercado de talentos.


Uma reputação forte pode reduzir os custos de recrutamento em até 50% e, no caso de uma empresa com má imagem no mercado, esse impacto pode custar-lhe até 10% a mais por cada contratação. Considerando estes factos, ter um employer branding forte nunca foi tão importante e por isso vemos as melhores empresas a tornarem a imagem da marca numa responsabilidade de todos.


Como começar?


Qual é a sensação que pretende que a sua equipa tenha sobre a sua marca? A entrevista é o momento chave para começar a contagiar cada novo colaborador. Para todos os que já estão a bordo, o pacote de benefícios que acompanham o salário, a formação constante, a progressão de carreira e os momentos de convívio que se traduzem num bom ambiente de trabalho são os principais diferenciais.

O onboarding ganha um papel essencial na criação da reputação da marca, já que as pessoas que têm uma experiência de integração negativa têm duas vezes mais hipóteses de começarem a procurar uma nova oportunidade de trabalho.


Faz sentido para qualquer empresa?


Sabendo que o employer branding pode reduzir as taxas de rotatividade em 28% e reduzir os custos de recrutamento em metade, diríamos que sim, mas a resposta depende de cada administração. Cada empresa tem uma escolha a fazer: cultivar a sua própria reputação ou deixar que os seus colaboradores e clientes a decidam por si.


Para ajudar nessa decisão, é importante lembrar que a voz do funcionário é três vezes mais credível do que a do CEO quando se trata de falar sobre as condições de trabalho dentro de uma empresa.


Seja como for, não é possível controlar o que as pessoas pensam e dizem sobre a sua marca. É possível apenas influenciar e garantir que a mensagem chegue aos colaboradores de forma a que seja ouvida e transmitida, o que exige uma boa dose de coerência e transparência.


O que fazer?


Controlar a narrativa da melhor forma possível, conduzindo os funcionários a partilharem as suas boas experiências com o mundo, ao contarem de forma espontânea o que torna a vossa empresa tão especial.

Se o objectivo é recrutar mais e melhores candidatos, nada como fazer com que quem procura o veja pela primeira vez da forma mais humana possível.


1. Experiência do utilizador


Passe pelos passos que levam uma pessoa a candidatar-se à sua empresa, desde o momento zero (questionário online), para se aperceber de possíveis dificuldades ou frustrações no percurso, que possam vir a fazê-lo perder os melhores talentos.


2. Partilhe os bastidores


A verdade é que 90% dos candidatos a emprego seguem as marcas que lhes interessam nas redes sociais. Enquanto o LinkedIn continua a ter um papel predominante no recrutamento, as restantes grandes redes, quando usadas ​​​​corretamente, podem também ser grandes impulsionadoras.


Caso a partilha de imagens internas não faça sentido para a sua comunicação, siga os passos da Starbucks, que criou a @StarbucksJobs para promover o employer branding sem perturbar o marketing da empresa para o consumidor final.


3. A voz do funcionário


O grande objetivo é então incentivar toda a equipa a partilhar a sua própria história, em forma escrita ou em vídeo, e fazê-lo de forma constante.

Para isso, pode fazer como várias empresas nacionais e aproveitar um momento de formação em LinkedIn, que enriquece as competências dos seus colaboradores ao mesmo tempo que os influencia a testá-los usando a sua própria empresa. Uma oportunidade forte para colocar o seu employer branding em ação.



A Grand’Ideia, para além de promover este tipo de formação com o maior especialista na área em Portugal, é especialista em criar momentos inspiradores, personalizados ao momento de cada equipa. Atividades de team building à medida, surpresas pensadas para quebrar a rotina e levar uma lufada de ar fresco à busca diária pela produtividade máxima e mesmo eventos chave-na-mão, do transporte ao farewell gift.


Manter um ambiente de trabalho agradável, reconhecer os trabalhadores, planear bem as ações e implementar uma cultura forte na empresa fará com que o local de trabalho seja uma segunda casa onde se quer estar, e mais do que estar, onde se ambiciona prosperar.



Especialistas em eventos únicos e team buildings personalizados, a Grand’Ideia promove acções de quebra rotina, eventos e retiros à medida de cada empresa, em qualquer ponto do país. pedir ideias


Se gostou destas ideias, partilhe com alguém que pode gostar também.

👉🏻 Siga-nos para mais ideias em @grandideia (Linkedin).

#employerbranding #marcaempregadora #marketing #recursoshumanos #grandblog


28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page